ReCore

Análises dos jogos de Xbox One feitas por jogadores, como você.
Felipevasco
Mensagens: 131
Curtidas: 163
GamerTag: felipevasco31
GamerScore: 51836
Estado: Rio de Janeiro

Sex Jun 23, 2017 2:04 am  

Imagem

A HISTÓRIA

"Toda responsabilidade está sobre as costas da carismática Joule. A princípio, ela é a única sobrevivente de um plano de evacuação para o planeta Eden distante e para isso conta com a ajuda dos seus não muito menos carismáticos corebots - não há como deixar de sentir um certo ar de ternura com esses fofíssimos companheiros - a relação entre a heroína e seus bots é cativante." Apesar de simples o enredo é contagiante e cumpre muitíssimo bem o seu papel. Em sua jornada Joule se depara com alguns registros de momentos anteriores de ser despertada. Em minha opinião poderiam ter caprichado bem na quantidade de áudios - acredito que mais registros enriqueceriam ainda mais a narrativa.

ARTE, GRÁFICOS E SOM

A arte empregada no game é um primor, desde o deserto escaldante, passando pelas estruturas dispersas no cenário, até as masmorras escuras... todo conceito artístico e de muito bom gosto. Em contrapartida, em termos gráficos o jogo deixa a desejar. Mesmo aos olhares menos atentos fica perceptível a baixa qualidade gráfica com borrões nas texturas, aspecto de cores lavadas, além de contornos pobremente delineados... todavia temos de levar em conta que trata-se de um jogo com orçamento mais modesto.

O som de uma forma geral é OK e os efeitos sonoros, seja nas explosões, ao atirar, ou extraindo um núcleo de um inimigo remetem a uma sonoridade bem na linha old school. Já a trilha poderia ser um pouco mais impactante. Terminado o jogo eu não tive nenhuma memória musical afetiva com qualquer trecho ou ocasião do jogo. Uma musicalidade "chiclete" tem um efeito poderoso em games plataforma, não obstante digo que em minha mente a trilha de ReCore não fixou. Outro ponto positivo foi a dublagem. Mais uma vez os profissionais brasileiros realizaram um ótimo trabalho.

O JOGO

A jogabilidade é fluida, intuitiva e tem algumas soluções criativas. Fica claro a influência de IPs como Metroid, Megaman e principalmente o legado de inafune na concepção geral do desenvolvimento. Com um mecanismo de jogo agradável e criativo, atirar com uma combinação de cores e extrair o núcleo de um bot inimigo parece uma mescla infalível. Sem falar o quanto é divertido transitar no mundo bastante exploravel através de uma movimentação dinâmica, utilizando seus corebots de estimação para resolver enigmas e chegar a locais que numa primeira perspectiva parecem inalcançáveis. Porém toda essa diversão parece ter prazo de validade... Primeiramente me sinto na obrigação de informar que o game sofre com diversos bugs: intermináveis telas de carregamento, um loop de queda infinita do qual personagem fica caindo sobe o cenário, queda drástica de fps em determinados pontos, crash inesperado que simplesmente conduz o game para tela de início.

Propriamente em relação ao jogo, com passar do tempo repetir a mesma mecânica vai se tornando entediante - ainda mais quando o próprio progresso do game te obriga a fazer tudo de novo de maneira incessante para desbloquear outras áreas. Os inimigos apesar de formas diferentes possuem quase sempre o mesmo tipo de ataque, o que confere ao combate um certo ar de mesmice. Fica claro que faltou mais robustez de gameplay ao jogo, talvez mais armas, corebots... elementos de sobrevivência como obtenção de água e alimentos. A Joule é uma espécie de engenheira, com um mapa tão amplo poderia ter missões em que ela através de ferramentas repararia estruturas e realizasse tarefas além da coleta de peças ou núcleos. A impressão que fica é de que ReCore tinha caixa pra mais e parou no meio do caminho. Mas necessariamente esses contratempos não fazem de ReCore um game ruim, eles só explicitam que o game tinha potencial pra ser uma obra fora de série.

VEREDITO

Em plena E3 de 2015 um trailer de jogo chamou atenção de muita gente. Numa breve animação a concepção quase absoluta era de que se tratava de algo com imenso potencial. Pois bem, ReCore hoje é uma realidade - não conseguiu ser tudo aquilo que almejavam os jogadores mais exigentes, contudo ainda assim desponta como uma IP promissora para futuro. Independente de alguns contratempos ReCore é uma experiência única e cativante. É mais do que recomendável, principalmente para aqueles que buscam sair da trivialidade.
NOTA: 7.8
Editado pela última vez por Felipevasco em Seg Jul 10, 2017 3:21 pm, em um total de 5 vezes.
Imagem
Quem curtiu esta postagem:
jrbrunobarreto, freedowsRoO, HelderSR, Senta a pua

jrbrunobarreto
Mensagens: 293
Curtidas: 231
GamerTag: jrbrunobarreto
GamerScore: 87692
Estado: São Paulo
Contato:

Sex Jun 23, 2017 5:51 am  

Beleza de review, parabéns!

Esse ReCore está no meu radar há um bom tempo.

Sempre fiquei no quase na hora de comprar, mas acabava escolhendo outros no lugar.

Mas de tanto que a turma falava, sempre me deu vontade de pegar .

Com a informação de que está saindo uma atualização em breve e, quem sabe, dando uma polida no jogo, acabo pegando e jogando, espero, no XONEX!
Editado pela última vez por jrbrunobarreto em Sex Jun 23, 2017 9:34 am, em um total de 1 vez.
Imagem
Quem curtiu esta postagem:
Felipevasco, freedowsRoO, jairopicanco

Felipevasco
Mensagens: 131
Curtidas: 163
GamerTag: felipevasco31
GamerScore: 51836
Estado: Rio de Janeiro

Sex Jun 23, 2017 8:15 am  

jrbrunobarreto escreveu:Beleza de review, parabéns!

Esse Recorde está no meu radar há um bom tempo.

Sempre fiquei no quase na hora de comprar, mas acabava escolhendo outros no lugar.

Mas de tanto que a turma falava, sempre me deu vontade de pegar .

Com a informação de que está saindo uma atualização em breve e, quem sabe, dando uma polida no jogo, acabo pegando e jogando, espero, no XONEX!

Obrigado amigo!
ReCore é um bom game , muito melhor do que boa parte da midia avalia. Principalmente pra galera mais old school vale a experiência.
Para uma jogatina mais agradável recomendo a esperar o patch, pois a informação e de que ele não vai demorar muito.
Imagem
Quem curtiu esta postagem:
freedowsRoO

HelderSR
Mensagens: 368
Curtidas: 514
GamerTag: HelderSR
GamerScore: 77440
Estado: Mato Grosso do Sul

Sex Jun 23, 2017 11:48 am  

Eu gostei do jogo, mesmo com suas limitações e problemas técnicos.

Recore merece uma continuação, bem mais trabalhada levando o jogo para um triple-A .

Por R$ 50,00 está valendo. [:^]
Imagem
Quem curtiu esta postagem:
Felipevasco

jairopicanco
Mensagens: 144
Curtidas: 180
GamerTag: jairodesign
GamerScore: 72075
Estado: Amazonas

Sex Jun 23, 2017 12:36 pm  

Ótima analise. Me lembrou aquelas reviews de revistas antigas, com Graficos, Som, Jogabilidade, formato padrão. Eu pessoalmente gosto assim.

Assim que terminar o Quantum Break, vou começar o Recore.

A julgar pela demo que testei, ele reúne as principais características que eu aprecio nos jogos desse estilo até aquelas que são tidas como fraquezas.

Tenho que fazer a review do Blazzblue e do Skullgirls também, mas tem que ser com calma rsrs.
Quem curtiu esta postagem:
Felipevasco

Felipevasco
Mensagens: 131
Curtidas: 163
GamerTag: felipevasco31
GamerScore: 51836
Estado: Rio de Janeiro

Sex Jun 23, 2017 4:17 pm  

jairopicanco escreveu:Ótima analise. Me lembrou aquelas reviews de revistas antigas, com Graficos, Som, Jogabilidade, formato padrão. Eu pessoalmente gosto assim.

Assim que terminar o Quantum Break, vou começar o Recore.

A julgar pela demo que testei, ele reúne as principais características que eu aprecio nos jogos desse estilo até aquelas que são tidas como fraquezas.

Tenho que fazer a review do Blazzblue e do Skullgirls também, mas tem que ser com calma rsrs.

Valeu Jairo, o espaço aqui tá ótimo pra trocar feedback. Legal ver a galera animada pra fazer review .
Imagem
Quem curtiu esta postagem:
jairopicanco

Senta a pua
Mensagens: 86
Curtidas: 85
GamerTag: Senta a pua
GamerScore: 62172
Estado: Bahia

Sáb Jun 24, 2017 5:27 pm  

Show o review. Bem esclarecedor. Isso que você falou da memória afetiva com a música de um game realmente faz todo o sentido. Alguns jogos, como o Ninja Gaiden que eu jogava no Phantom System, tenho a trilha sonora em minha memória até hoje!

Sobre o Recore, ainda não joguei, mas tenho interesse nele. Jogo plataforma de qualidade é difícil de achar hoje em dia.
Porém há outros jogos em minha lista de prioridades. Enquanto espero uma promoção pra jogá-lo, fico na esperança de ganhar no GwG.
Imagem
Quem curtiu esta postagem:
Felipevasco

gregalexander00
Mensagens: 30
Curtidas: 21
GamerTag: gregalexander00
GamerScore: 237790
Estado: Piauí

Ter Jul 04, 2017 8:06 pm  

Gostei bastante da crítica, sou suspeito para falar do jogo já que dos últimos exclusivos da Microsoft sem sombra de dúvidas foi o que mais curti, mas como nem tudo são flores também senti isso da história ser pela metade, ficaram tantas questões em aberto que chega a ser um pouco frustrante (Especialmente para quem resolveu a milzar\miletar o jogo) ter aquele final.

Em relação a alguns dos probleminhas que não curti durante o jogo foi a falta de opção de marcação no mapa, sério algo tão simples e não colocaram no jogo, as vezes bugava alguns e eles continuavam constando no mapa como se nunca tivessem sido pegos e isso era irritante para caralho, o mesmo vale para alguns prismas que eu já havia coletado e ficavam no mapa como se eu nunca tivesse pego, voltei aos tempos antigos onde imprimi um mapa e ficava riscando os que eu já peguei ou não. (Observe caro leitor que isso ocorreu porque busquei os 100%, você não é obrigado a pegar todos para finalizar a estória, mas presumo que seja um viciado em conquistas como eu e quero que saiba que essa porra foi frustrante para caralho).

Outro ponto chatinho foram os hardwares, que eu soube em alguns fóruns que as porcentagens para a conquista bugava, impossibilitando assim saber quantos faltavam para terminar, especialmente na ultima área do jogo que vai praticamente te fazer quebrar os controles.

Outra coisinha foi a dificuldade do jogo, chega a um ponto que destruir os robôs se torna uma tarefa entendiante já que você fica bem forte junto com seus amigos, poderiam fazer uma correção e fazer com que os inimigos façam jus ao seu nível.

PORRA GREGG TU GOSTOU DO JOGO MESMO? TA DESCENDO A LENHA AE

Sim gente eu gostei, tanto que fiz os 1000G e não me deixei ser vencido pelos bugs porque como disse acima eu AMEI esse jogo de coração, e caso saia uma continuação e não repetindo os erros do mesmo teremos um puta jogo que merece sem sombra de dúvidas ter o termo ESSENCIAL em coleções e afins, afinal precisamos sim de um exclusivo Microsoft single player que faça o sucesso e desmistificar essas ideias de que deve-se socar um multiplayer em tudo.
Imagem
Quem curtiu esta postagem:
HelderSR, Felipevasco, jrbrunobarreto, Senta a pua

  •   Informação
  • Quem está online

    Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 1 visitante